Blog

Minha história com os encontros

de Yoga

Esses seminários tinham um programa que me encantava. Eram caminhadas matinais, começavam em silêncio e observação da natureza, para ao final ensejar uma conversa, geralmente ao ar livre, com o Professor, sobre tudo que se tinha podido observar naquela experiência e com as explicações filosóficas que ele nos dava.

 

Conheci o Yoga na Academia do Professor Hermógenes em 1985 e fui aluno até 1987.

Pratiquei Hatha Yoga e participei dos seminários que o Professor Hermógenes realizava para seus alunos. Somente alunos da academia podiam participar; eram à época perto de mil alunos.

O programa destes seminários me encantava. Caminhadas matinais que começavam em silêncio e observação da natureza para ao final ensejar uma conversa, geralmente ao ar livre, com o Professor. O assunto era sobre tudo que se tinha observado nesta experiência e as explicações filosóficas que recebíamos dele.

O Professor Hermógenes ministrava aulas práticas e palestras sobre a filosofia do Yoga, além de proporcionar momentos de encantamento nos quais revíamos seus poemas, acompanhados de fotos e músicas que ele escolhia pessoalmente com cuidado.

Em 1985, Hermógenes nos apresentou um amigo para falar sobre Sai Baba. O grupo ficou entusiasmado pelo Mestre Indiano, pois recebia o aval de Hermógenes.

A partir daí, a academia passou a organizar mensalmente um Pooja, ocasião na qual falavamos sobre a filosofia e ensinamentos de Sai Baba.

Isto cresceu e despertou o interesse em pessoas que não eram alunos da academia e então surgiu a ideia de em 1987 fundar o primeiro Centro Sai Baba do Brasil.

Com a dedicação ao Centro Sai Baba, decidi deixar de frequentar a academia para me dedicar integralmente ao Centro e ao estudo da Mensagem de Sai Baba.

Logo, passei a organizar os seminários do Centro Sai Baba, tendo os eventos da academia como modelo.

Entre seminários, retiros e congressos a Organização Sai Baba cresceu e hoje possui unidades em quase todos os estados brasileiros, organizei ou participei da organização de aproximadamente vinte e cinco eventos. Isso me deu muita experiência nesse tipo de trabalho.

Nessa altura, já era amigo pessoal do Professor Hermógenes, fato que me honra e que deu maior sentido à minha vida. Em uma de nossas conversas disse que gostaria de organizar os seminários da sua academia , pois sentia que havia uma demanda grande nesse sentido. 

Então fizemos o primeiro no Hotel Fazenda Ribeirão em Barra do Piraí - RJ e depois passamos a utilizar as dependências da Fazenda Marista, em Mendes RJ. Foram tantos seminários que fizemos juntos que perdi a conta e isso na verdade não importava. O que queria era sempre fazer um bom evento, em que todos saíssem felizes com o aprendizado e com a experiência do convívio com o Professor e seus ensinamentos sobre a filosofia do Yoga. Quanta felicidade, quanta alegria, quanto conhecimento. Memoráveis ocasiões, relatos, depoimentos incríveis, ocasionados pelos participantes.

Quando vimos que chegara ao fim a era desses seminários com e sobre Hermógenes, fui procurado pelo Sandro Shankara, que havia convidado anteriormente para cantar e tocar em um desses seminários, para que desenvolvêssemos um projeto de evento a nível Brasil, sobre Yoga, prática e filosofia, dando oportunidade às diversas correntes e estilos de Yoga e fazendo com que os professores e instrutores, jovens ou experientes, desconhecidos ou famosos, pudessem estabelecer um contato mais íntimo durante um fim de semana prolongado, de modo a promover a Yoga de forma proporcional à valiosa contribuição que essa prática e filosofia milenar oferece às pessoas e à sociedade como um todo.

Já realizamos quatro edições da Conferência Carioca de Yoga, com resultados fantásticos do ponto de vista da divulgação do Yoga e do inter-relacionamento dos profissionais da área.

A V Conferência Carioca de Yoga, acontecerá no último final de semana de outubro de 2017, precisamente nos dias 27, 28 e 29 – sexta, sábado e domingo.

Este ano contaremos com uma seleção muito bem elaborada de palestrantes e de instrutores das práticas diversas de Yoga.

Em resumo: são quase trinta anos realizando eventos de Yoga, através dos quais temos levado as pessoas a oportunidade de crescimento e de autoconhecimento.

Sinto-me realizado por ter organizado até hoje todos esses eventos que somados são mais de quarenta finais de semana, cento e vinte dias, duas mil, oitocentas e oitenta horas. Sem contar todo o tempo e o trabalho prévios, dedicados à preparação de cada um deles. Tudo isso valeu muito a pena!

Betinho, Jorge Alberto M. de Carvalho

64 anos, é carioca, funcionário público municipal, devoto de Sai Baba, tendo sido presidente por dez anos do centro Sai Baba de Vila Isabel e por oito anos da Fundação Sathya Sai do Brasil.

 

Conheça um pouco do seu trabalho.

A Natureza da Música Indiana.

Essa liberação poderosa, como se você pudesse colocar o mel na boca.

Yoga é educação física?

80% dos tipos de yoga contemporâneo não usam o corpo; fazem basicamente só meditação, 

  • CURTA!
  • SIGA!
  • INSCREVA-SE!